Divulgada a programação da Festa Popular de Malhação do Judas

CRATO VERDADEIRO 250 anos de tradição popular A) Programação: 15h00min: 1. Cortejo do Judas, acompanhado pelo Grupo de Caretas do Distrito da Bela Vista (Mestre Cirilo), Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, Catirinas e Mateus, Boi, Burrinha, Jaraguá e brincantes de reisados locais, atores em personagens regionais. Seguem animados com carro-de-som pelo trecho: Rua Vicente Tavares …

CRATO VERDADEIRO 250 anos de tradição popular judas A) Programação: 15h00min: 1. Cortejo do Judas, acompanhado pelo Grupo de Caretas do Distrito da Bela Vista (Mestre Cirilo), Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, Catirinas e Mateus, Boi, Burrinha, Jaraguá e brincantes de reisados locais, atores em personagens regionais. Seguem animados com carro-de-som pelo trecho: Rua Vicente Tavares Bezerra, nº 176, Bairro São Miguel (próximo ao LACEN) – Rua São Francisco – Rua Monsenhor Assis Feitosa – Centro Cultural do Araripe. 17h:00min: 1. Chegada ao Sítio do Judas, montado no Centro Cultural do Araripe, onde o traidor permanecerá até a hora de seu julgamento e malhação, sob a vigilância dos Caretas; 2. Tradicional roubo do Sítio do Judas: os Caretas vigiam o sítio montado e açoitam com chicotadas os que ousarem roubar. A façanha é sair do sítio sem apanhar (e com o roubo). 19h:30min: 1. Distribuição e leitura do Testamento do Judas, elaborado em versos (cordel); 2. Malhação do Judas, com show pirotécnico e artistas circenses em perna-de-pau com malabares de fogo. 20h00min: Forró pé-de-serra. 22h00min: Encerramento. B) Observações: Em 2014, a Festa Popular da Malhação do Judas acontecerá dia 19 de abril, no Centro Cultural do Araripe (RFFSA), com a participação do Grupo de Caretas do Mestre Cirilo, Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, artistas populares e amplos setores da população. Nesta edição, “Cafajestino Estuprador” foi a personagem eleita, com a justificativa de que o Mundo, o Brasil, o Ceará e o Cariri tem sido cenário de casos de estupro, seja envolvendo pessoas da família das vítimas, bandidos marginais, religiosos ou outras espécies de monstros. É, portanto, um grito de socorro aos céus e de revolta contra a impunidade, bem como à negligência dos poderes constituídos, associado ao resgate, preservação e desenvolvimento da cultura tradicional popular. A Coordenação

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Jimmy Macedo
Carregar Mais Em Cultura

Comente

Your email address will not be published.Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre Jimmy Macedo

Profissional de marketing digital e nerd de carteirinha desde que nerd era xingamento. Amante de música e cinema, idealizou o Foobá para colaborar de forma efetiva com o cenário que tanto o diverte e inspira.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!