“Sete Mares do Porto”: Escola Porto Iracema das Artes comemora 7 anos com programação virtual

Mesmo em funcionamento remoto desde março, ação necessária para o combate à pandemia de Covid-19, a Escola preparou uma série de debates, shows e espetáculos online




Neste ano tão desafiador, em que mais do que nunca precisamos resistir, criar, refletir, cantar, dançar, tocar, filmar, atuar, desenhar, pintar, viver, enfim, o Porto Iracema das Artes chega aos sete anos navegando nos mares da criação e da formação em artes no Ceará. Experiência única no País, a escola pública de artes do Governo do Estado, ligada à Secretaria da Cultura e gerida em parceria pelo Instituto Dragão do Mar, celebra a beleza simbólica deste marco com a programação “Sete Mares do Porto”, iniciada nesta segunda-feira, 3, e que se estende até o último dia de agosto. 

O aniversário, que comemoramos oficialmente no dia 29, será celebrado ao longo de todo o mês com encontros virtuais nas diversas linguagens que a Escola desenvolve – artes visuais, cinema, dança, música e teatro – e envolvendo todas as esferas formativas, dos Cursos Básicos, passando pelo Curso Técnico em Dança, até os Laboratórios de Criação. Diante da realidade que se impôs com a necessidade do enfrentamento da Covid-19, tudo será realizado online, por meio das redes sociais do Porto Iracema das Artes, no Instagram, Facebook e Youtube

“Todos os anos, o mês de aniversário da escola coloca-se como um tempo de reflexão de nossos processos de formação. Em 2020, esse movimento de reflexão potencializa-se por conta do contexto e das emergências que a pandemia nos impõe”, observa a diretora do Porto Iracema das Artes, Bete Jaguaribe, lembrando o projeto da Plataforma Pública de Formação em Artes, em processo de construção. “Estamos articulando debates e reflexões sobre formação nos diversos campos artísticos em torno do ‘Poéticas da Coexistência: formação em artes e virtualidades’, com vistas a subsidiar a criação de uma plataforma digital pública de formação em artes. O mês de aniversário da escola em 2020 será fortemente marcado por esse movimento de reflexões sobre experiências digitais de formação“, antecipa a gestora. 

O presidente do Instituto Dragão do Mar, Paulo Linhares, lembra que, ao ser concebida, a Escola tinha um duplo desafio: conseguir dar acesso democrático às pessoas que faziam arte no Ceará e que precisavam de uma formação de qualidade e propiciar o aprofundamento e a excelência do repertório artístico cearense. “A escola se consolidou no panorama nacional e internacional exatamente por lutar por esses dois objetivos estratégicos. É possível lutar por uma democratização e uma democracia cultural, uma ampliação do acesso e, ao mesmo tempo, manter um rigoroso padrão de excelência e de busca de ampliação desse repertório artístico”, avalia. “Hoje, o Estado do Ceará é, unanimemente, com esse projeto, a mais ampla e competente experiência de formação artística do Brasil. Já avançamos muito, ao longo desses 7 anos, e ainda temos um longo caminho a percorrer”. 

O secretário da Cultura do Estado, Fabiano Piúba, destaca que nesse contexto dos espaços culturais fechados, a Escola Porto Iracema das Artes antecipa uma agenda proposta pela Secult. “A Porto aproveita o período da programação de aniversário para continuar o processo de construção da plataforma que será não só um legado, mas uma estrutura que nos dará condições para ampliar a democratização do acesso aos cursos e ampliação de matrículas das Escolas da Cultura que compõem a Rede de Equipamentos da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará”, comemora. 

PROGRAMAÇÃO 

A cada semana de agosto, a Escola vai trazer novos temas e convidados para os encontros que vêm sendo realizados no ambiente virtual, como Entre Telas, Afluentes, Anatomia, entre outros. Na primeira, de 3 a 7, teremos três edições do Entre Telas, aquelas conversas afetivas, descontraídas e formativas com diversos artistas pelo nosso Instagram. Logo na manhã de segunda-feira (3), às 10h15min, recebemos Lívio do Sertão no Entre Telas Artes Visuais, na terça-feira (4), 15h, acontece a primeira edição do Entre Telas Dança com a coreógrafa baiana que celebra 50 anos de dança, Janne Ruth, e na quarta-feira (5) teremos a estreia do Entre Telas Música, com a atriz, cantora e compositora Marta Aurélia, a partir das 16h. 

Já da segunda à sexta-feira entre 10 e 14 de agosto, a programação está repleta de atividades. Entre os destaques da semana, temos na segunda (10) a primeira mesa de debates do III SIRIM – Simpósio de Regência e Interpretação Musical Alberto Nepomuceno Em Foco, parceria do Porto Iracema com o grupo de pesquisa IRIM, da Uece, que terá transmissão simultânea pelo nosso Youtube e Facebook a partir das 20h. No mesmo dia, estreia no nosso canal o programa semanal “Conversas com Artistas da Cena em Formação”, outra parceria da Escola, desta vez com o Curso de Licenciatura em Teatro da UFC. 

Novas edições do Entre Telas Artes Visuais, Música e Dança também movimentam a semana e, a partir da quarta-feira (12), se somam a elas o Entre Telas – Navegadores em trajetória, em que receberemos ex-alunos para falar sobre inserção no mercado profissional e caminhos artísticos iniciados a partir dos cursos oferecidos pelo Porto Iracema. A primeira conversa será com Duda Rabelo, a partir das 15h. Fechando a segunda semana, teremos a exibição do espetáculo “Todos seremos mãe”, de 2016, que tem direção de Murilo Ramos e foi realizado pelos alunos dos Cursos Básicos de Artes Cênicas.  

A terceira semana de agosto, de 17 a 21, começa com o Afluentes, espaço para reencontro entre alunos/artistas e professores/tutores das diversas esferas formativas. Nesta primeira edição das Artes Cênicas, na segunda (17), a conversa será entre o diretor e o elenco do espetáculo “Todos seremos mãe”, a partir das 15h no Youtube e Facebook da Escola. Na quinta-feira, 20, temos a estreia do Anatomia da Dança, com a coreógrafa cearense Lia Rodrigues, analisando seu espetáculo “FÚRIA”. O trabalho abriu a Bienal Internacional de Dança do Ceará, em 2019, e será dissecado pela artista com mediação de Andréa Bardawil a partir das 15h. Para fechar o dia, ainda receberemos o grande mestre da fotopintura, Júlio dos Santos, no Entre Telas Fotopoéticas, a partir das 17h no nosso Instagram. 

A última semana de agosto reserva o grande dia de aniversário e ainda muita programação. Além de novas edições do Entre Telas, teremos mais um Afluentes Artes Visuais com o projeto “Deambulando”, desenvolvido por Marisa Flórido César, Junior Pimenta e Ana Cecília Soares. Será na quarta-feira (26), às 15h, pelo Youtube e Facebook do Porto. Na quinta-feira (27), a partir das 16h, tem o primeiro Anatomia do Espetáculo, com Henrique Oliveira e Luciano Wieser, debatendo os processos de criação e dos trabalhos “Automákina” e “Imaginário Criador”. 

No sábado, dia 29, celebraremos o aniversário da Escola com um grande encontro musical. Tradicionalmente, a Escola comemorava o grande dia com um show dos artistas selecionados a cada ano para o Laboratório de Música. Neste 2020 atípico, o show “Sete Mares do Porto” vai reunir diversos nomes que passaram pelas sete edições do Lab Música até aqui. Eles se apresentarão ao vivo, de casa, com transmissão pelas redes sociais da Escola a partir das 17 horas. Pedro Madeira, Luiza Nobel, Nonato Lima, Marco Fukuda, Erivan, Sila Crvs, Glauber Alves são alguns dos confirmados

Fechando a programação, na segunda-feira (31), temos ainda mais um Afluentes Artes Cênicas, com a diretora Maria Vitória e o elenco do espetáculo “Além Aquém Daqui”, de 2017, realizado pelos alunos dos Cursos Básicos de Artes Cênicas. O reencontro será a partir das 15h no Youtube e no Facebook da Escola. 

Feira do Mar e Galeria Escotilha 

Além de todos os eventos virtuais propostos pelas coordenações da Escola, teremos a colaboração de diversos artistas que já passaram por nossos processos formativos ao longo destes anos na Feira do Mar Virtual e na Galeria Escotilha. As ações serão realizadas online, pelo Instagram e o Facebook do Porto Iracema, divulgando trabalhos de artistas, alunos e professores. As inscrições para a exposição foram realizadas entre os dias 16 e 29 de julho. Neste período, artistas puderam inscrever produções em diversos formatos, como desenhos, pinturas, prints, zines, bordados, stickers, fotografias, posters etc. 

A ESCOLA 

O Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há sete anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas. 

De 2013 a 2020, no Programa de Formação Básica, a Escola realizou mais de 10 mil matrículas em 540 percursos formativos, com 21.255 horas-aula. Foram formadas três turmas dos Cursos Técnicos de Dança e duas de Computação Gráfica nesse período. Ao longo das sete edições dos Laboratórios de Criação, 413 artistas passaram pelos Labs e 147 projetos já foram desenvolvidos. Para a 8ª edição, 2020-2021, foram recebidas mais de 500 inscrições. O processo de seleção segue em andamento. Ao longo destes sete anos, mais de 50 mil pessoas foram alcançadas diretamente pelas formações e eventos dos Cursos Básicos, Técnicos e nos Laboratórios de Criação.

SERVIÇO 

O que: “Sete Mares do Porto”: Escola Porto Iracema das Artes comemora 7 anos com programação virtual 

Quando: De 3 a 31 de agosto

Onde: Instagram, Facebook e Youtube do Porto Iracema das Artes

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Luca Souza
Carregar Mais Em Artes Visuais

Sobre Luca Souza

Estagiário no setor de criação de conteúdo do Foobá

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!