Uma nova viagem cultural no trem do Cariri

RFFSA será sede do Museu do Trem e passará a integrar o Corredor Cultural de Juazeiro do Norte




Turismo

RFFSA será sede do Museu do Trem e passará a integrar o Corredor Cultural de Juazeiro do Norte

A Rede Ferroviária Federal Sociedade Anônima, RFFSA, passará por uma restauração arquitetônica, que pretende conservar a arquitetura original e reconstruir elementos da velha estação, quando ainda funcionava para embarque e desembarque de passageiros. O prédio histórico que ocupa o local dará espaço para o Museu do Trem, uma nova parada para exposição de longa duração, onde constarão a história da estação ferroviária, inaugurada pelo Padre Cícero no ano de 1926 e a história da linha férrea no Ceará.  

O novo projeto ganhou três vagões de locomotivas, que atualmente estão desativados, além de compor a ambientação do local, os vagões serão utilizados para as instalação de cafés, espaços para formações e oficinas artísticas. Esses novos atrativos fazem parte da conexão entre vários pontos culturais ao longo da linha férrea que atualmente liga as cidades de Crato e Juazeiro do Norte através do serviço do Metrô do Cariri ou Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). Os usuários desse serviço serão estimulados a percorrerem o corredor cultural de Juazeiro do Norte, um roteiro que integrará os espaços culturais do Município, como a própria Rffesa, o Teatro Marquise Branca, a Biblioteca Pública Dr. Possidônio da Silva Bem e o Centro Cultural Mestre Noza.

Sobre Rayssa Leonel

Graduada em Jornalismo pela UFCA - Universidade Federal do Cariri. Pesquisadora e caririense bem orgulhosa.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.